quinta-feira, novembro 24, 2005

Um post para rebentar com tudo e ficarmos a ser o Blog mais preconceituoso de toda a Internet e não o segundo

Como foi dito recentemente num comentário, neste mesmo blog, o brain era o segundo, sim o segundo blog mais preconceituoso de toda a Internet. Apesar de isso apenas ser possível, pelo facto do blog em questão ter o triplo de contribuidores que este tem, não justifica que este tenha que ser o segundo. Por isso o brain vai fazer um último esforço para manter a sua reputação de ser o melhor naquilo que faz, aqui seguem comentários mordazes e preconceituosos sobre tudo o que me lembrei de criticar:

Gays homossecssuais:

Mulheres:

Homens: Estes até sao porreiros, nada a assinalar.

Bebés:

Cães:

Gatos:

Peixinhos dourados:

Gajos que escrevem em Blogs:

Água:

Cotão no Umbigo:

Ciganos:

Pessoas que tiram macacos do nariz:

Estudantes:

Pessoas Ruivas:

Estudantes Ruivos:

espero que este post deixe claro, sem margem para duvidas, que somos os mais preconceituosos de toda a internet. Abordamos vários tópicos e esperamos que todos se tenham sentido insultados

8 comentários:

Diana disse...

Desculpem-me por ser picuinhas, mas... para que o "blog mais preconceituoso" tivesse o triplo dos contributors do vosso, o Brain teria de ter 1, 333333 contributors.

A disse...

não desculpo

mas o que me lixa mesmo é o blogger ter censurado o que escrevi e garanto-vos que era do mais preconceituoso e maldoso que para ai anda... que pena :(

Diana disse...

... e falta o ponto final.

A disse...

e escrever em português, custa muito?

A disse...

e já agora faltam infinitos 3 no teu primeiro comentário

(a infantilidade pegasse)

d disse...

E agora um pouco de cultura matemática:

A essa inutil discussão do 1,333333.... chama-se uma dizima periodica infinita...e como tal para acabarmos com tão inusitada discussão ficar-nos-emos por 1,334.. atentem no 4 e podeis dizer que foi arredondada ás milésimas.

Ide dormir

Diana disse...

... e porque da fama de chata, picuinhas e infantil já não me livro (e, sinceramente, nem sequer vejo vantagens em disso me livrar...), gostaria de continuar esta discussão - agora pedagógica - e dizer que me lembro que as "dízimas periódicas infinitas" podem ser representadas, sem o recurso a aproximações: 1,3(3)*. Poderia ter-me lembrado imediatamente disso no dia 24, mas nunca pensei que tal conjunto de algarismos viesse a ser tão polémico.

Nota: por me lembrar da representação, não quer dizer que esteja correcta.

A disse...

sinceramente não me lembro de nada disso e por isso, declaro aqui que vocês são superiores...