sábado, novembro 05, 2005

Aulas e o porquê de nunca tirar boas notas aos testes que lá se fazem

Há aulas de que não gosto, ou porque são cedo de mais, ou porque são tarde demais, ou porque são à segunda, ou porque são à sexta, ou porque está frio, ou porque está muito calor. Ou então só porque o professor fala com uma exagerada pronuncia Beirã, tornando a aula num sermão de domingo de manhã, e faz pausas... pausas propicias à indução de estados sonolentos, com um sorriso maléfico, de quem está a pensar “estou a ver que ninguém passa este ano”.

Contudo isto de faltar as aulas, por mais nobres que sejam as nossas razões, como acho ser o caso, traz alguns contra tempos. Um deles são os mini-testes marcados para a aula da semana seguinte. Apesar de isso não ser um problema, dado que se desconhece a existência de tal prova, o caso muda de figura quando recebemos um e-mail do professor a avisar que não é permitida consulta de manuais ou telemóveis, durante o teste.

Acabamos de descobrir, que temos um teste no dia seguinte e não temos tempo de estudar. Nestas alturas o meu coração para e eu não me lembro de mais nada, só sei que houve um intervalo de 18 horas durante as quais não sei o que fiz.
De outras vezes que me aconteceu isto, deu para descobrir o que andei a fazer, quando li o jornal da região no dia seguinte. (esta parte é mentira)

(a verdade) Como era tarde acabei por não estudar e fui dormir, quando acordei, também não fui estudar, acabei por ir jogar um jogo, que nem gosto muito. Quando cheguei ao teste, senti-me idiota por ter desperdiçado o tempo que tinha, a jogar um jogo que nem gosto muito. Mas isso foi um pensamento rápido que me passou pela cabeça e foi ignorado como tal. Sentei-me escrevi o que pude, e depois disso... rezei.

Acho que há uma valiosa lição a aprender desta minha experiência, mas agora não vou pensar nisso, tenho ali um jogo que nem gosto muito para jogar...

5 comentários:

Josue disse...

Compreendo, ja passei (e às vezes passo) por isso.

A disse...

o que? jogar um jogo que não gostas, ou não saberes que há exame? :p

Isa disse...

bem entao passa a aproveitar bem o tempo: joga entao o jogo que mais gostas (mas só depois das aulas....)

Kiss Kiss

A disse...

o problema é que o jogo que mais gosto é aquele que não gosto. eu jogo-o mas tenho noção que ele não tem qualidade e que não me diverte, jogo-o apenas porque me habituei :D

Anónimo disse...

eu tou +/- na mesma situaçao a minha professora de frances faz testes todas as semanas....
e eu nunca tinha tirado uma má nota... e frances foi a primeira e nao foi a unica...